terça-feira, 10 de janeiro de 2012

Meu relato de parto!

Hoje parei pra pensar: Todo blog materno tem um relato de parto! Passou da hora, né Mãe de Bia???

Pois sim!

Fui uma gestante (enfermeira), que engordou nada mais, nada menos que 20 quilozinhos (já falei sobre isso aqui ). Só que nestes quilos a mais teve também edema! Inchei horrores!!!!!! Meu nariz? Era uma chapoca! Meu pé? Um pão de batata!!!! Sendo assim, no final da gravidez, estava louca, tresloucada, esbaforida pra passar logo e acabar tudo!!!!! Entreguei os pontos!!!!
Não dava mais conta de trabalhar... peguei atestado (ou melhor, o atestado me pegou) com 34 semanas, porque simplesmente não tinha mais a mínima condição! As pessoas me olhavam e falavam: "Aqui não tem sala de parto! Não tem pediatra! Seu nenê vai nascer!" Ok, bora ficar em casa de pernas pro ar então!
E assim fiquei na espera da chegada da Bia!
A secretária da minha obstetra era minha mega cúmplice!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
Um dia falei com ela: Lala, marca meu parto aí na agenda da Lúcia! Vai ser dia 10, não dou conta mais e vou falar com ela!!!!
E num é que ela marcou?
Chego eu pra consulta no dia 09/12 e a minha médica queriiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiidíssima, fala: Lu, quem mandou você marcar seu parto? Pedi pra Larissa agendar uma paciente pra amanhã e ela fala que não pode, porque tem seu parto!!! Quem te disse?
Respondi: Eu!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!! kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk!!!!
Mas... claro que não foi... Chorei até! E neste dia, a balança acusou 20kg acima do peso inicial! E toma puxão de orelha e muuuuuuuuuuuuuito xingo!!!! Mas saí do consultório com a promessa de que em 1 semana, no retorno, meu parto seria marcado! VIVA!!!!!!!!!!!!!!!!
Ah... Já ia me esquecendo! Saí do consultório com mais uma guia para realização de Ultrassom Obstétrico! Minha placenta calcificou na 29ª semana e chegou ao nível 3 de calcificação na 33ª.

*PAUSA PARA EXPLICAÇÕES!*
A calcificação da placenta é o envelhecimento precoce da mesma. Desta forma ela deixa de nutrir o bebê como deveria e ele pode deixar de ganhar peso e desenvolver, sendo necessário, algumas vezes, antecipar o parto.

Mas a Bia nunca deixou de ganhar peso e desenvolver. Meu líquido amniótico também foi abundante em toda a gestação! Dessa forma, controle ultrassonográfico semanal... Juro que estafei!
Passei o fim de semana manerando a boca!... e de repouso relativo. Mesmo com a pressão arterial de 110/60 mmHg, meu inchaço era enorme e não podia fazer muita graça!
No domingo à noite, combinamos de ir assistir ao Tropa de Elite 2 no dia seguinte. Pertinho de casa, poderíamos ir à pé mesmo!

Na segunda, saí para almoçar (caí em tentação e comi pizza!!! Marguerita, mais light...!), comprei umas coisinhas e voltei para casa. O técnico viria instalar a internet.
Restante do dia em paz, mas marido agarrou no serviço, logo, nada de sessão de cinema!
Como estava meio que de boca controlada (e havia comido pizza de almoço!), tomei um iogurte mais ou menos as 21:00 e fui pra cama. Iniciar a série de cochilos junto à santa almofada Aconchego!
As 01:30h da madrugada acordei e senti que meu short estava meio colado no bumbum...???
Peguei...
AMOOOOOOOOOOOOOOR!!!! ACORDA!!!!! A BOLSA ESTOROU!!!!!
Num pulo, Marido levantou, acendeu a luz e parou bestificado, olhando pra minha cara bestificada!!!
Levantei e fui pro banheiro, deixando pinguinhos pelo quarto... Ou será que é xixi? Mas não fiquei incontinente!!!
Passei o papel, achei o líquido meio viscoso...
"Amor... 14 de Dezembro é uma data bonita, né?
Marido, meio nervoso: É sim... O que a gente faz agora?"
Ligamos pra médica, terminamos de arrumar a mala (tudo tranquilo, tenho até 6 horas pro parto) e fomos para o Hospital!

***Malu enlouqueceu! Viu todo mundo saindo de mala e cuia e ela ficando pra trás! Coração apertou...***

Chegando ao Hospital, fui examinada por uma médica meio que rabugenta... Na verdade tentaram me convencer que ela estava em um parto... Mas como eu disse que esperava... A cara dela tava mais pra dorminhoca!
Examinou, bolsa rota e... 150/90 mmHg de pressão! Você vai ligar pra sua médica?
Claaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaro!!!! Acha que vou trocar a minha médica linda, loira e amiga do peito por você???? Capaz!!!! (Claro que só pensei nesta frase, né gentem...) .

Fui fazer a internação e aí sim a bolsa rompeu de vez!!!!
Caríssimas que me acompanham e estão lendo neste momento...
QUE AGUACEIRO QUE É AQUELE, JESUS???????????????
Gente, é água que não tem fim... Fiquei horrorizada! Parecia uma torneira de filtro, aberta, continuamente. Um dia li que era preciso colocar absorvente quando a bolsa rompia... Tadinho do absorvente!!!! Até ele nadava quando fui trocar a roupa no bloco!
O que me gerou muita dúvida quanto ao rompimento da bolsa foi a ausência de dor e a coloração do líquido! Claríssimo, sem uma gota de sangue! Eu jurava que sangraria e sentiria dor...

Já no Bloco, encontrei com minha médica amada!!! Ufa! Onda de alívio e confiança me inundaram! Agora eu tinha certeza que podia relaxar!!! Rezei muuuuuito e... bora preparar!
Veia puncionada!
Anestesia! A posição foi péssima... Curvar com aquele barrigão é fogo! Mas não senti a tão temida dor! Bem tranquilo, pra falar a verdade!
Já anestesiada e sondada, Marido do lado, parto iniciado!

Deitada, anestesiada com 2 mulheres empurrando a barriga pra realizar o parto e ANSIOSÉSIMA, em alguns momentos senti falta de ar, cabeça zonza... Mas acho que era a pressão do bebê sobre diafragma e efeito da Peridural, claro!
De repente, a Lúcia grita: Lu, tá chegando! Marco, vai querer ver? Levanta! Ela vai nascer!!!!
E um chorinho abafado, ainda dentro da barriga, eu escutei!
E uma sensação diferente, que nunca havia sentido, de alívio e emoção juntas, me inundou!
E um choro forte, daqueles cheios de saúde, tomou conta da sala!
E eu só pude agradecer a Deus por me permitir viver este momento!

Já examinada, a Bia veio pra mim!
Uma coisinha rosa embrulhada num tecido azul!
E neste momento eu descobri que a minha vida teria um novo sentido!

5 comentários:

  1. Que lindo, Lu!!!!!!!! Nunca vou me esquecer do nascimento da Isa tb! Tava trabalhando em casa, bolsa estourou. Também pensei que era xixi, rssss. Dei sorte porque coloquei o absorvente, no caminho pro hospital só sentia o aguaceiro, rssss. Também não senti a dor da anestesia. Durante quase todo o tempo, fiquei tranquila, só deu um nervoso danado quando já começaram a mexer na barriga e Xande ainda não tinha entrado na sala de parto. Chorei de nervoso, ansiedade, medo... Amiga Aurora, pediatra da Isa, estava ao meu lado. De repente, Xande entrou e logo em seguida, ela chegou... Chorou forte e mamãe tb, mas mais relaxada. Inesquecível e, certamente, o início de uma nova vida para todos nós.
    Bj pra vc!!!

    ResponderExcluir
  2. Que lindo o depoimento Lu! Nossa, agora com as minhas emoções à flor da pele meus olhos lacrimejaram! Fico pensando quando chegar a minha vez!
    Bjos!

    ResponderExcluir
  3. Cris!
    É um momento indescritível, né?
    Depois quero saber mais sobre o seu!

    Bruna!!!!
    Em breve sua vez chegará! Volta aqui e conta tuuuuuuuuuuuuuuuudo, viu?
    Beijos suas lindas!

    ResponderExcluir
  4. Lindooooo...me imaginei neste momento!

    ResponderExcluir
  5. Obaaaaaaaaaaaaa!!!!
    Mais uma estréia por aqui!
    E da mais nova gravidinha!!!!
    Jucileny, seja bem vinda no nosso cantinho! Quero te ver seeeeeeeeeeeeeeeeeeeeempre!
    Beijos em vcs!!!!

    ResponderExcluir